“Ideias de Estado, Direito, Guerra e Paz na cultura escolástico-ibérica dos séculos XVI-XVII” – Prof. Dr. Marcello José Gomes Loureiro

centro-dom-vital

O Centro Dom Vital tem a honra e a alegria de convidá-los para o curso “Ideias de Estado, Direito, Guerra e Paz na cultura escolástico-ibérica dos séculos XVI-XVII” que será ministrado pelo Prof. Dr. Marcello José Gomes Loureiro, doutor em História e Civilização – École des Hautes Études en Sciences Sociales (Paris), doutor em História Social – Programa de Pós-graduação em História Social da UFRJ.

Será de 03/11 a 24/11, às quintas-feiras, das 18 h às 19h30. Inscrições pelo email: comunicacao@centrodomvital.com.br ou presencial: Rua Araújo Porto Alegre, 70 sala 111 (esquina com Rua México, próximo ao Metrô Cinelândia). Investimento: 100 reais (sócios do CDV têm 50% de desconto). Serão emitidos certificados.

Ementa: Ao longo dos séculos XVI e XVII, as ações governativas das monarquias de Portugal e de Espanha estavam pautadas em códigos éticos e morais advindos dos valores basilares da cultura católica. Diversos tratadistas procuraram definir os parâmetros que deveriam condicionar as decisões e comportamentos de reis, conselheiros e ministros, de modo que a monarquia pudesse se “conservar” e atingir seus fins. De modo geral, os preceitos realistas de Maquiavel não ecoaram com tanta força na península ibérica, em comparação com as releituras que a segunda escolástica produziu acerca da obra de Santo Tomás de Aquino. Assim, o objetivo principal deste curso é não apenas apresentar alguns conceitos centrais que figuravam nos tratados jurídico-políticos escritos neste contexto (Estado, Guerra, Paz, Direito das Gentes, Extrema Necessidade, Resistência), mas também evidenciar como esses mesmos conceitos foram manejados nos despachos e deliberações de oficiais régios. Para tanto, revisitam-se obras de autores importantes como Bartolomeu de Las Casas, Luís de Molina, Francisco Suárez, Francisco Vitória, Antônio Vieira, Francisco Velasco de Gouvêa, bem como as de outros, menos conhecidos em nossos dias.

Programa:
1) O contexto da segunda escolástica e as monarquias ibéricas: história e historiografia.
2) Ideias centrais do pensamento escolástico na cultura política ibérica (I).
3) A gramática política da monarquia portuguesa: exemplos de manejo político em tribunais palacianos, cartas de autoridades da Bahia, Rio de Janeiro e Maranhão (1640-1668).

Agradecemos imensamente a gentileza de divulgarem junto aos seus familiares, amigos e instituições que frequentam, por favor.

cdv

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *